MANDRAKE, O MÁGICO

1. INTRODUÇÃO

O mágico não é a figura mais popular da cultura pop. Embora cause espanto e admiração, a figura do mágico não “colou” no imaginário popular. Muitos ainda associam a figura do mágico um trapaceiro. E quando pensam em mágico a imagem é quase sempre a mesma: fraque preto, cartola e muitas vezes um bigode estilo francês ou cavanhaque.

Essa imagem do mágico de fraque e cartola é fruto em parte da figura de Mandrake, um personagem da editora King Features Syndicate, e que ajudou a incutir no imaginário popular o estereótipo do mágico.

-x-

2. O PERSONAGEM

Mandrake foi criado em 1934 por Lee Falk, que inseguro de sua habilidade como desenhista, Lee escolheu o Phil Davis para dar os traços ao herói. Assim com roteiro de Lee Falk e desenhos de Phil Davis nascia, em 11 de junho de 1934, a primeira história de Mandrake, entitulada: “The Cobra”. A história durou 24 capítulos e encerrou-se em 24 de novembro de 1934.

Lee Falk, criador de Mandrake
Lee Falk, criador de Mandrake

Em 10 de agosto de 1935 Mandrake chegou ao Brasil pelas mãos de Max Yantok (pseudônimo de Nicolau Cesarino) editor da revista “Suplemento Juvenil”. A primeira história publicada aqui recebeu o título de “Sourcin, o sábio louco” (“The monster of Tanov Pass”), onde, durante uma viagem aos Montes Cárpatos, Mandrake e Lothar, supreendidos por uma tempestade, abrigam-se no castelo do professor Sorcin, o qual escondia um terrível montro macaco com cérebro humano. Na edição original essa é a terceira história escrita.

Exemplar da Revista Suplemento Juvenil, a precursora das histórias de Mandrake de 1937
Exemplar da Revista Suplemento Juvenil, a precursora das histórias de Mandrake de 1937

Mandrake mora em Xanadu, uma propriedade fantástica no alto de uma colina. É noivo da princesa Narda de Cockaigne, herdeira do trono de Cockaigne, filha do rei Karl e da rainha Isabela herdeira de um trono. Mandrake conta ainda com a ajuda de seu companheiro inseparável, Lothar, um príncipe africano que abandonou sua tribo para acompanhar o mágico.

Lothar, Mandrake e Narda na edição 01 da revista Mandrake, editora RGE
Lothar, Mandrake e Narda na edição 01 da revista Mandrake, editora RGE

Os poderes de Mandrake são a hipnose e a comunicação telepática. Ele é capaz de hipnotizar instantaneamente qualquer pessoa (incluindo inimigos). Ao executar o seu gesto hipnótico, mandrake “transforma” a arma do vilão em um buquê de rosas ou uma pomba. Mandrake também pode comunicar-se telepaticamente com qualquer pessoa. Mandrake ganhou os seus poderes através de anos de estudo em um Colégio de Mágica que fica em um ponto desconhecido no Himalaia.

O arqui-inimigo de Mandrake é o Cobra, um mágico negro poderoso que deseja se apossar dos Cubos de Cristal, artefatos esses que ampliariam infinitamente o poder mental do seu possuidor, para assim poder dominar o mundo. Os dois cubos estão um em posse de Mandrake e o outro de Theron, pai de Mandrake. Cobra usa uma máscara que esconde o seu rosto. Tempos mais tarde, Mandrake viria a descobrir a identidade secreta do Cobra: trata-se de seu antigo professor no Colégio de Mágica Luciphor, filho mais velho de Theron e, meio-irmão de Mandrake. Aliás, Theron também merece uma citação: ele é o grão-mestre do Colégio de Mágica e de acordo com a mitologia da série ele teria centenas de anos, já foi casado doze vezes e tem entre 30 e 40 filhos, dos quais só quatro estão vivos: Luciphor, Derek, Mandrake e Lenore.

Luciphor, meio-irmão de Mandrake, sem a máscara
Luciphor, meio-irmão de Mandrake, sem a máscara

Outros inimigos de Mandrake são o seu irmão gêmeo malvado Derek (que viria a se unir com Luciphor contra Mandrake), Ekardnam um “clone invertido” de Mandrake que vive no mundo do espelho, Saki, um mestre dos disfarces de alcunha “Clay Camel” e a filha de Camel, “The Brass Monkey”, chamada assim por sempre deixar um macaco de bronze nos locais de seus crimes.

Luciphor e Derek unindo poderes contra Mandrake
Luciphor e Derek unindo poderes contra Mandrake

-x-

3. A REPERCUSSÃO DAS HISTÓRIAS

Mandrake tornou-se extremamente poular nos anos 30 e 40 e deu origem a uma série de outros heróis mágicos, como Zambini, Drago e Kardak, pela editora Archie; Zatara pela DC Comics; Visão e Dr. Estranho, ambos pela Marvel. Na Itália, Mandrake ganhou uma versão local criado pela editora Nerbini e desenhada por Galep, o artista de Tex. Outro autor de Tex, o criador Gianluigi Bonelli, criou “Ipnos, o Rei da Magia”, em 1946, também com base em Mandrake.

Super heróis mágicos, baseados em Mandrake
Super heróis mágicos, baseados em Mandrake

No Brasil os quadrinhos de Mandrake foi publicado por diversas edioras, mas teve o seu apogeu nas décadas de 60 e 70 pelas mãos da editora RGE. Ela publicou os quadrinhos até os anos 80, quando por diversos fatores, dentre eles o desinteresse da King Features e a decadência da RGE, quando o gibi foi cancelado.

-x-

4. Leon Mandrake

Lee Falk inspirou-se em um mágico real para a criação de seu herói: Leon Mandrake. Nascido Leon Giglio em 11 de abril de 1911, Leon foi um mágico ítalo-americano, mentalista, ilusionista, escapista, ventríloquo e dublê-performático. Leon estudou os grandes nomes do vaudeville e aos 11 anos começou sua própria carreira vaudevilliana em sua cidade natal no Edison Theater. Aos 14 passou-se a apresentar no “Moyer’s Carnival” em uma feira nacional. Nessa época aprendeu novas habilidade como comer fogo, leitura da mente e ventriloquismo. Ao 16 excursionou com o “Ralph Richard’s Touring Magic Show” por 6 meses ao longo de toda a América do Norte. A partir de 1930, com 19 anos, Leon passou a excursionar com o seu próprio show.

Leon Mandrake, 1939
Leon Mandrake, 1939

O visual de Mandrake foi copiado inteiramente de Leon: cartola negra, capa preta de fundo escarlate, bigode fino. Na vida amorosa a arte também imitou a vida: Leon fio casado duas vezes, sua primeira esposa era sua assistente de palco, chamada Princesa Narda. Em 1946, Leon separou-se de Narda e perdeu sua assistente de palco. Meses depois, Leon conheceu Louise Salerno, uma atriz e dançarina vinda de uma família de artistas. Após duas semanas excursionando juntos, Leon e Louise se casaram em uma cerimônia simples. Duas horas após o casamento o casal já estava no palco se apresentando.

Leon e sua Esposa Velvet (Louise) em uma apresentação de mágica
Leon e sua Esposa Velvet (Louise) em uma apresentação de mágica

Mandrake continou excursionando até os anos 50, quando a TV começou a tirar o público dos teatros. Pensando em migrar para a TV, Leon comprou os direitos de imagem de Alexander, bem como o seu material e criou um show para a TV chamado “Alexander, o Grande”. O seu programa durou de 1955 a 1956. Em 1963 fez um novo programa diante de uma plateia ao vivo, chamado “Mandrake Special”, além de participações em séries diversas.

Leon Mandrake
Leon Mandrake

A sua última apresnetação foi em 1985 para um festival de chocolates em Victória, no Canadá. Em 27 de janeiro de 1993, Leon Mandrake faleceu. Um memorial foi criado no Paramount Theater (antigo Edison Theater) em homenagem à Leon Mandrake lembrando que ali fora o local de sua primeira apresentação.

Programa do show de Mandrake - 1947
Programa do show de Mandrake – 1947

-x-

5. Curiosidades

Alguns consideram Mandrake como o primeiro super-herói dos quadrinhos. Isso porque ele tee algumas aparições nos quadrinhos “The Advetures of Patsy”. Nessa história o Mandrake era chamado de “O Mágico Fantasma”. E quem era o escritor de “As Aventuras de Patsy”? Lee Falk. Aliás, Lee Falk também criou outro personagem famoso dos quadrinhos: O Fantasma.

A editora King Features Syndicte criou uma biografia ficcionalizada para Lee Falk segundo a qual ele teria nascido Leon Harris Gross, e acabou adotando o sobrenome Falk de seu padastro como forma de homenagem. Albert Falk Epstein, padrasto de Leon era um viajante mundial famoso e que se especializou no estudo das religiões orientais. Daí a inspiração de Lee para as obras de Mandrake e O Fantasma.

-x-

BIBLIOGRAFIA

Site: Wikipedia em Pt-Br

Site: Wikipedia em Inglês

Site: Guia dos quadrinhos

Site: Webcomic Overlook

Site: Mandrakewiki

Site: Enciclopedia HQ

Site: Clay Camel

Site: Magicpedia – Leon Mandrake

Site: Wikipedia

Documentário: Mandrake, a magic life

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s